Cursos/Engenharia Mecânica

DADOS GERAIS DO CURSO

Tipo: Bacharelado

Modalidade: Presencial

Denominação do Curso: Engenharia Mecânica

Habilitação: O Engenheiro Mecânico está habilitado a atuar nas áreas de Projeto, Fiscalização, Fabricação e Montagem de Processos ou Sistemas Mecânicos.

Turno de Funcionamento: Noturno

 

 REGIME LETIVO

Periodicidade: Semestral

Período de integralização: Mínimo: 10 semestres; Máximo: 15 semestres

 

COMPOSIÇÃO CURRICULAR

Carga Horária das Disciplinas: 3107 horas

Estágio Supervisionado:            300 horas

Atividades Complementares:      200 horas

Carga Horária Total do Curso: 3607 horas

 

PERFIL DO EGRESSO

A Resolução CNE/CES 11/2002 que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de Engenharia - conforme disposto no artigo 3o, determina que o curso deve ter como perfil do formando egresso/profissional o engenheiro, com formação generalista, humanista, crítica e reflexiva, capacitado a absorver e desenvolver novas tecnologias, estimulando a sua atuação crítica e criativa na identificação e resolução de problemas, considerando seus aspectos políticos, econômicos, sociais, ambientais e culturais, com visão ética e humanística, em atendimento às demandas da sociedade.

Em seu artigo 4o, estabelece que a formação do curso deve  dotar os profissionais de conhecimentos exigidos para o exercício das seguintes competências e habilidades gerais:

I - aplicar conhecimentos matemáticos, científicos, tecnológicos e instrumentais à engenharia;

II - projetar e conduzir experimentos e interpretar resultados;

III - conceber, projetar e analisar sistemas, produtos e processos;

IV - planejar, supervisionar, elaborar e coordenar projetos e serviços de engenharia;

V - Identificar, formular e resolver problemas de engenharia;

VI - Desenvolver e/ou utilizar novas ferramentas e técnicas;

VI - Supervisionar a operação e a manutenção de sistemas;

VII - avaliar criticamente a operação e a manutenção de sistemas;

VIII - Comunicar-se eficientemente nas formas escrita, oral e gráfica;

IX - Atuar em equipes multidisciplinares;

X - Compreender e aplicar a ética e responsabilidade profissionais;

XI - Avaliar o impacto das atividades da engenharia no contexto social e ambiental;

XII - Avaliar a viabilidade econômica de projetos de engenharia;

XIII - Assumir a postura de permanente busca de atualização profissional.

 

Considerando estes aspectos, o Engenheiro Mecânico a ser formado pela Faculdade Presidente Antônio Carlos de Uberlândia deve ter uma formação generalista em termos de Engenharia Mecânica e com as características do curso, ou seja, um engenheiro projetista, gestor e empreendedor de organizações, tanto unitárias quanto em redes ou cadeias de sistemas produtivos, que atue no desenvolvimento/pesquisa de novos materiais, técnicas de fabricação e também no aprimoramento das já existentes, de forma geral trabalhando para superar os desafios e propor soluções para os problemas de engenharia que enfrentar em sua carreira. Isto permitirá que os egressos do curso aumentem o seu leque de opções de exercício profissional e de contribuição efetiva para o desenvolvimento da sociedade e para o crescimento do país. Complementando, o profissional deverá possuir um amplo conhecimento teórico, prático, científico e tecnológico, bem como habilidade, senso crítico e criatividade, para que possa gerar tecnologias e atender as necessidades compatíveis com o modelo atual de engenharia, principalmente o da região, e com o homem. Assim, os conteúdos das unidades de estudo fornecem aos alunos do curso de Engenharia Mecânica as bases para cumprir os objetivos a que se propõe o curso.

 

FORMAS DE ACESSO AO CURSO

O acesso ao curso se dará por meio de Processo Seletivo organizado e executado segundo o disposto na Legislação pertinente, com o objetivo de Classificar os candidatos no limite das vagas Oferecidas.

O Processo Seletivo abrangerá os conhecimentos comuns às diversas formas de educação de nível médio, sem Ultrapassar esse nível de complexidade para Avaliar a formação recebida pelos candidatos e sua aptidão intelectual para estudos superiores.

A regulamentação do Processo Seletivo é dada a conhecimento público, no mínimo 15 (quinze) dias antes da realização da seleção, por meio de edital publicado e divulgado no site institucional.

O curso poderá oferecer Processo Seletivo para todos os seus cursos no 1º e no 2º semestre do ano, respeitada a existência de demanda e o número de vagas autorizadas para o primeiro período.  

Realizado o Processo Seletivo e restando vaga, a Faculdade admite o seu preenchimento por aluno oriundo de outra instituição de ensino e por concluinte do ensino superior, com diploma devidamente registrado, podendo a IES, ainda, optar, se significativo o número de candidatos, pela realização de novo Processo Seletivo.

A matrícula em disciplina isolada do curso será permitida nas seguintes situações:

Quando da ocorrência de vaga, por alunos de outras Instituições de Ensino Superior ou por concluinte de curso superior barbatanas, para diversos; e

Independente da ocorrência de vaga, para aluno da unidade, para fins de Cumprimento de Dependência e / ou adaptação que, sempre para Possível julgado pela Direção Acadêmico-Pedagógica e pela Coordenação de Curso.

 

Clique aqui para visualizar

Atendimento ao aluno
(34) 3291-2100 (34) 99885-2100
atendimento@unipacuberlandia.com.br